sábado, 2 de março de 2013

Parto




Como toda menina nasci vestida
e fui pela vida abandonando meus disfarces

cada veste deixada pelo caminho
foi o resultado de um parto

e tantas vezes parti
perdi a conta de quantas renasci
e duas vezes pari

hoje viver é ter o sal do mar na pele
e sentir o arrepio que a orla me traz

em teu peito durmo meus sonhos
em teus braços orlo quem somos

serenamente me transformo em lua
em fases vivo a me encontrar

entre união de versos
e universos, nua
aprendi a caminhar


  Adriane Lima e Orlando Bona Filho



Arte by Denis Nunez Rodriguez

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...